Exército mata 15 traficantes do Zetas no México

Um tiroteio entre militares e membros do cartel das drogas "Los Zetas" provocou nesta sexta-feira a morte de 15 traficantes no povoado de San José de Lourdes, no estado de Zacatecas, no norte do México, informou a Marinha mexicana. 

O confronto, que teve início pela manhã, se prolongou por horas e "terminou com 15 delinquentes mortos e outros 17 detidos, todos supostos membros do cartel Los Zetas", revelou a Marinha. 

Seis oficiais da Marinha ficaram feridos, apesar de suas lesões não serem graves. 

O órgão informou que o tiroteio ocorreu quando elementos da Marinha, no momento de ‘realizar atividades de patrulha urbana, foram agredidos com armas de fogo por pessoas desconhecidas, supostamente integrantes dos Zetas’. 

A região onde o confronto ocorreu, no centro de Zacatecas, tem uma forte presença de membros do cartel dos Zetas, de acordo com relatórios da procuradoria estatal. 

O México vive uma crescente onda de violência ligada ao tráfico de drogas que deixou mais de 37.000 mortos, a maioria deles nos estados do norte do país, desde dezembro de 2006, quando o presidente Felipe Claderón iniciou uma ofensiva contra o narcotráfico com a mobilização de 50.000 militares.