Ditador norte-coreano pede ajuda a presidente chinês em Pequim

O ditador norte-coreano Kim Jong-Il chegou nesta quarta-feira a Pequim, onde será recebido pelo presidente chinês, Hu Jintao, na discreta viagem que realiza ao país. De acordo com a agência sul-coreana Yonhap, o objetivo do encontro é obter ajuda econômica.

Kim chegou à capital da China pela manhã a bordo de seu trem especial, informou a Yonhap. A agência divulgou ainda que o líder norte-coreano foi recebido na residência Diaoyutai, oficial para hóspedes do Governo, e deverá se encontrar ainda hoje com o presidente do país.

Esta é a terceira visita em pouco mais de um ano do mandatário do isolado país comunista a seu principal provedor de ajuda econômica.