Iêmen: 38 mortos em violentos confrontos em Sanaa?

Trinta e oito pessoas morreram nesta terça-feira em violentos confrontos entre membros armados de uma tribo e forças governamentais, em um bairro do norte de Sanaa, capital do Iêmen, segundo um novo balanço de fontes médicas e governamentais.

Vinte e quatro membros da tribo liderada por Sadek al-Ahmar morreram e dezenas ficaram feridos, revelou à AFP uma fonte médica do Hospital de Ciências de Tecnologia de Sanaa.

O confronto matou ainda 14 soldados e outros dois estão desaparecidos, informou o ministério da Defesa em seu site 26sep.net, citando o ministério do Interior.

Um boletim anterior indicava seis mortos em violentos combates, pelo segundo dia consecutivo, entre partidários do xeque Sadek al-Ahmar, o chefe tribal mais influente no Iêmen, e as forças do polêmico presidente iemenita, Ali Abdallah Saleh.