Al-Qaeda afirma que revoltas árabes são uma vitória

WASHINGTON  - A Al-Qaeda no Magreb Islâmico (AQMI) lamentou a morte de Osama bin Laden, utilizando a oportunidade para reivindicar as revoltas recentes no mundo árabe como uma vitória para a Al-Qaeda, afirmou neste domingo o grupo de monitoramento de sites islâmicos SITE.

"Todos são testemunhas - alguns em público, alguns em segredo e alguns cuja alma sabe com certeza, mas ignoram - que estes eventos que estão atingindo a região árabe são apenas um fruto em meio aos frutos da jihad na qual o xeque (Bin Laden) teve um papel de destaque", afirmou a AQMI, de acordo com uma tradução divulgada no SITE.