Milhares de jovens protestam contra a falta de emprego na Espanha

Milhares de jovens foram nesta quinta-feira ao centro de Madri para protestar contra a alta taxa de desemprego, a precariedade do trabalho e os cortes feitos no setor pelo governo.

"Não nos calamos, nem nos conformamos", "Basta!", diziam em cartazes que levavam, respondendo a uma iniciativa lançada pelo Facebook sob o lema "Jovens sem futuro", que conta com 7.000 seguidores.

Segundo os organizadores, a inspiração veio das revoltas árabes e dos protestos semelhantes realizados em outros países europeus.

"Itália, França, Grécia e Islândia nos ensinam que a mobilização é indispensável. O mundo árabe nos demonstra que a vitória é possível", afirmaram.

Segundo cifras oficiais de fevereiro, o desemprego na Espanha supera 20% da população economicamente ativa, chegando a 43,5% entre os jovens com menos de 25 anos - a maior taxa da União Europeia (UE).