Otan mata dois civis por engano no Afeganistão

CABUL - Soldados da força da Otan no Afeganistão mataram dois civis por acidente em uma estrada. Um terceiro foi morto a tiros, depois de ser atingido por pedradas de uma multidão revoltada, anunciou a polícia local.

A multidão tentou evitar que o comboio militar deixasse o local e começou a lançar pedras. "Os soldados começaram a atirar contra as pessoas, mataram um homem e feriram uma mulher e uma criança", declarou à AFP uma fonte policial.

O comboio "fugiu", foi perseguido e detido pela polícia afegã perto de uma base da Otan. Um porta-voz da força da Otan no Afeganistão afirmou à AFP que o incidente estava sendo examinado.