Presidente da Costa do Marfim estaria negociando rendição

ABIDJAN - O presidente da Costa do Marfim, Laurent Gbagbo, estaria negociando uma rendição, afirmou nesta terça-feira à Rádio França Internacional (RFI) Ally Coulibaly, embaixador na França nomeado por Alassane Ouattara, o chefe de Estado reconhecido pela comunidade internacional.

"Acredito que Laurent Gbagbo está vivo. Fiquei sabendo que estava negociando uma rendição", declarou o diplomata.

"Abdijan se transformou em uma fábrica de boatos e não quero aumentar a desinformação. Tomei conhecimento de que desde ontem (segunda-feira) tenta negociar. Não é muito tarde", acrescentou Coulibaly.

O embaixador disse ignorar o canal de negociação e se existe um mediador.

Disparos de armas pesadas voltaram a abalar nesta terça-feira a cidade de Abidjan, um dia depois da intervenção das forças da ONU e de militares franceses da força Licorne que atacaram os últimos redutos de Gbagbo para destruir o armamento pesado.