Grã-Bretanha confisca US$ 160 bilhões em navio que seguia para Líbia

LONDRES - A Grã-Bretanha interceptou um navio que transportava o equivalente a 100 milhões de libras (163 bilhões de dólares) em dinares líbios destinados ao país do norte da África e escoltou a embarcação até um de seus portos, informou o ministério do Interior.

"Um barco que seguia para a Líbia retornou ao Reino Unido na manhã de quarta-feira. O barco foi escoltado até o porto de Harwich (sudeste da Inglaterra) pela guarda costeira de fronteira", declarou um porta-voz do ministério.

"Vários contêineres foram retirados do navio e entregues à agência de fronteira do Reino Unido", completou. "O cargueiro continha uma quantidade significativa de dinheiro líbio, sujeito a sanções da ONU".

O Conselho de Segurança da ONU impôs no sábado uma série de sanções à Líbia, incluindo um embargo sobre armas, a proibição de viajar e o congelamento dos bens de Muamar Kadafi e outros parentes envolvidos na sangrenta repressão, assim como uma investigação por crimes contra a humanidade.

No domingo, a Grã-Bretanha congelou os bens de Kadafi no país, que chegam a 20 bilhões de libras (32,6 bilhões de dólares), a maioria em Londres, segundo o Daily Telegraph.