ONU faz apelo à retirada em massa de pessoas que fogem da Líbia

A agência de refugiados da ONU e um grupo internacional de migração fizeram nesta terça-feira um apelo urgente para a retirada em massa de milhares de pessoas que se dirigem à Tunísia fugindo da revolta na Líbia.

"A Organização Internacional para a Migração e o Alto Comissariado das Nações Unidas para os refugiados fazem um apelo urgente aos governos para uma ajuda à retirada humanitária em massa de milhares de egípcios e de cidadãos de outros países que fogem para a Tunísia da Líbia", afirmaram as duas agências em um comunicado.

Observaram que mais de 75 mil pessoas cruzaram a fronteira com a Tunísia desde 19 de fevereiro, e que mais 40 mil aguardam do lado líbio para entrar na Tunísia.

"As duas organizações consideram esta operação essencial, num momento em que a superlotação da fronteira piora a cada hora", afirmaram.