Turista italiana é sequestrada no sul da Argélia

ARGEL - Uma turista italiana que viajava com um motorista e um guia foi sequestrada no sul da Argélia na quarta-feira, informaram fontes dos serviços de segurança da região.

A italiana, de 56 anos, que não teve a identidade revelada, foi sequestrada na área de Alidem, 130 km ao sul de Djanet, a principal cidade do sudeste argelino. O motorista e o guia foram liberados pouco depois.

A vítima havia contactado uma agência de turismo de Djanet, 2.300 km ao sudeste de Argel, perto da fronteira com a Líbia. O jornal em língua árabe El-Churuk informou que a mulher teria sido levada para o Níger.