Preso de Guantánamo morre após fazer exercícios

Um detento afegão da prisão americana de Guantánamo morreu na terça-feira à noite durante o banho após uma sessão de exercícios em um aparelho, anunciou nesta quinta-feira o Pentágono em um comunicado.

Awal Gul, de 48 anos, detido em Guantánamo desde 2002, "morreu aparentemente de causas naturais na noite de terça-feira", após realizar exercícios físicos, segundo o Comando do Sul.