Diretor de escola da Califórnia é morto a tiros em ataque

WASHINGTON - O diretor de uma escola da Califórnia foi morto nesta quarta-feira em um ataque a tiros, e o assassino seria um dos porteiros, que já está detido, informou a polícia. O porteiro que seria o agressor foi detido após os disparos na escola Schnell, em Placerville, a noroeste de San Francisco, disse o chefe da polícia local, Nielsen George.

O diretor da escola, Sam Lacara, de 50 anos, foi atingido por um tiro no peito e levado ao hospital, onde morreu pouco depois, disse o oficial.

Os pais correram ansiosos à escola, que foi fechada pela manhã sem permitir a saída dos estudantes até que o suposto agressor, John Luebbers, fosse detido em sua casa. Alguns pais descreveram Luebbers como um "mal-humorado" e "grosseiro" com os alunos, enquanto meios de comunicação indicaram que ele teve uma discussão com as autoridades da escola.