Autoridade palestina reprime manifestação de apoio à revolta egípcia

GAZA - A polícia palestina reprimiu uma manifestação de apoio à revolta no Egito, segundo os organizadores e a ONG Human Rights Watch (HRW), que pediu para que seja suspensa a ajuda à segurança palestina.

Os organizadores indicaram que a manifestação reuniu cerca de 200 pessoas na Praça Al Manara de Ramallah, e foi imediatamente interrompida pelos serviços de segurança palestinos.

Uma manifestação de apoio ao presidente egípcio Hosni Mubarak, realizada na tarde de quarta-feira, transcorreu sem incidentes.

No último dia 29, o presidente da Autoridade palestina, Mahmud Abbas, ligou para Mubarak para expressar sua solidariedade para com o Egito e seu "compromisso a favor de sua segurança e sua estabilidade", segundo um comunicado do gabinete de Abbas.