Nove pessoas morrem em atentado no Paquistão

ISLAMABAD - Pelo menos nove pessoas morreram nesta quarta-feira em um atentado com carro-bomba perto de uma delegacia de Peshawar, noroeste do Paquistão, alvo de uma campanha de ataques violentos dos talibãs aliados da Al-Qaeda.

"A bomba explodiu em um mercado movimentado. Todos os mortos são civis", declarou à AFP Siraj Ahmad, diretor da administração do município de Peshawar.

O mercado fica ao lado de uma delegacia, que era o alvo do ataque, de acordo com fontes militares e policiais.

"A bomba estava escondida em um automóvel", afirmou o chefe de polícia de Peshawar, Liaquat Ali Jan. "Recebemos nove corpos, incluindo os de três crianças e de uma mulher", disse Abdul Hamid Afridi, médico do principal hospital da cidade.

Quase 4.000 pessoas morreram em três anos e meio no Paquistão, em 450 atentados - suicidas na maioria - executados pelos talibãs, aliados da Al-Qaeda desde 2007, e por grupos islamitas armados.