Tribunal ordena divulgação de investigação sobre ex-presidente Álvaro Uribe

 

BOGOTÁ - Um tribunal superior da cidade de Bogotá ordenou a divulgação da investigação que uma comissão legislativa realiza sobre o ex-presidente Álvaro Uribe, em um caso de espionagem ilegal durante seu governo por parte do serviço de inteligência (DAS).

O tribunal afirma na decisão que a "Comissão de Investigação e Acusações da Câmara de Representantes está obrigada constitucional e legalmente a apresentar as investigações do foro presidencial de maneira pública", segundo o site do jornal El Tiempo.

A decisão foi uma resposta a uma ação do advogado Luis Guillermo Pérez, que teve um pedido negado pela comissão parlamentar para uma investigação pública.

A Comissão de Acusações do Congresso, formada em sua maioria por parlamentares ligados ao ex-presidente (2002-2010), deve investigar a responsabilidade política no caso, já que a DAS está ligada diretamente à presidência da República e seu diretor é nomeado pelo presidente.

O caso envolve escutas ilegais de juízes da Corte Suprema de Justiça, políticos opositores, jornalistas críticos ao governo de Uribe e até membros de ONGs de defesa dos direitos humanos.