Manifestações na Albânia: três pessoas mortas a tiros

Três pessoas foram mortas a tiros nesta sexta-feira, em Tirana, durante manifestação da oposição, reprimida com violência pelas forças da ordem.

O chefe do setor de emergência do hospital militar de Tirana, Sami Koceku, havia falado, antes de dois mortos, retificando o número em seguida.

"Há três mortos, 17 policiais e militares feridos, entre eles três gravemente. Vinte e dois civis também estão feridos", informou Koceku.

A oposição havia convocado manifestação contra o governo de Sali Berisha, para exigir seu afastamento e pedir eleições legislativas antecipadas, após o anúncio, na semana passada, da demissão do vice-primeiro-ministro, Ilir Meta, acusado de corrupção.

Milhares de manifestantes reuniram-se no começo da tarde diante da sede do governo, num clima de grande tensão.

Os militantes atiraram pedras e as forças da ordem responderam com granadas de gás lacrimogêneo e jatos d''água.