Rebelião em prisão do México deixa 11 mortos

MÉXICO - Pelo menos 11 presos morreram nesta terça-feira durante uma revolta na penitenciária da cidade de Gómez Palacio, no norte do México, informou à AFP a procuradoria estadual. "Ocorreu uma briga no interior da prisão e como resultado há 11 mortos, todos homens", disse Alenadro Moreno, vice-procurador do estado de Durango.

O Centro de Readaptação Social Número Dois está cercado por militares e policiais. Segundo a imprensa local, a briga teria origem no assassinato de duas advogadas que trabalhavam na penitenciária.

Em julho passado, a mesma penitenciária foi alvo de uma investigação após denúncias de que presos saíam do local para cometer crimes para o narcotráfico.

A Procuradoria de Durango afirmou na ocasião que ao menos três massacres cometidos em cidades vizinhas, totalizando 35 mortes, foram praticados por detentos da Gómez Palacio.