Argélia e Irã negociam fazer parte da Rodada São Paulo

A Argélia e o Irã podem ser os próximos países a fazer parte do acordo comercial da Rodada São Paulo do Sistema Global de Preferências Comerciais (SGPC). Hoje (15) o Brasil e mais dez países em desenvolvimento assinaram, em Foz do Iguaçu, protocolo que prevê a redução em 20% nas tarifas de importação de 70% de produtos que são negociados dentro desse grupo.

“Esses dois países estão aderindo à Organização Mundial de Comércio e estão negociando as condições também para entrar no SGPC”, disse o embaixador Alberto Dumont. Segundo ele, mais países querem entrar na Rodada São Paulo, mas os nomes não foram revelados.

Segundo o secretário-geral do Ministério das Relações Exteriores e futuro chanceler, Antonio Patriota, a assinatura desse acordo é um exemplo para outras negociações comerciais. “Aqui temos um exemplo de que, quando os países estão verdadeiramente dispostos a negociar, não é impossível chegar a resultados concretos”. 

Para que o acordo entre em vigor, será necessário que seja ratificado pelos legislativos de pelo menos quatro países que assinaram o protocolo. Além dos países integrantes do Mercosul, assinaram o acordo Cuba, Egito, Índia, Indonésia, Malásia, Marrocos e Coreia.

Esses países reúnem quase um terço da população mundial, com quase 2 bilhões de habitantes e um mercado de mais de US$ 5 trilhões, segundo Itamaraty.