Coreia do Norte vende armas ao Irã e Síria, apesar do embargo

A Coreia do Norte segue exportando material nuclear e mísseis balísticos a países como Birmânia, Síria e Irã, apesar do embargo, afirmou um informe do Conselho de Segurança da ONU publicado nesta sexta-feira.

A Coreia do Norte "continua participando de atividades relacionadas às armas nucleares e aos mísseis balísticos em alguns países, entre eles Birmânia, a República Árabe da Síria e a República Islâmica do Irã", diz o informe.

Assim, a Coreia do Norte prossegue com suas atividades, apesar do embargo sobre armas que a impede de "fornecer mísseis, componentes e tecnologias a certos países", entre eles Síria e Irã, destacou o documento.

O informe do Conselho de Segurança da ONU lembra que "todos os Estados membros devem impedir o abastecimento, a venda ou transmissão" à Coreia do Norte de "todas as armas e materiais conexos, com exceção de armas leves e de pequeno calibre, assim como de materiais relacionados a elas".