Obama diz que é maravilhoso voltar à Indonésia depois de 39 anos

JACARTA - O presidente americano, Barack Obama, afirmou que é maravilhoso estar de volta a Jacarta, uma cidade onde passou quatro anos de sua infância, mas admitiu que é um pouco desorientador. "É maravilhoso estar aqui, mas eu tenho que dizer a vocês que quando você visita um lugar no qual você passou algum tempo quando criança, é um pouco desorientador", declarou Obama ao lado do presidente indonésio, Susilo Bambang Yudhoyono. O presidente americano afirmou que a paisagem mudou totalmente em 40 anos.

Obama, que falou algumas palavras no idioma local, disse que pretende retornar à Indonésia com as duas filhas para mostrar a ambas "este magnífico arquipélago". Obama viveu em Jacarta entre 1967 e 1971, quando tinha entre seis e 10 anos, com sua mãe americana e o padrasto indonésio, depois de ter passado os primeiros anos no Havaí.

Antes da entrevista coletiva, Yudhoyono e Obama assinaram um "acordo global" para reforçar as relações bilaterais no comércio, segurança e educação. "Concordamos em melhorar a cooperação em vários setores, em especial as relações comerciais, investimentos, educação, energia, clima e meio ambiente, segurança e democratização, assim como a sociedade civil", declarou o presidente indonésio.

Os dois países também decidiram colaborar de maneira mais estreita na luta contra o terrorismo, completou Yudhoyono.