Incêndio deixa navio com 4.500 pessoas à deriva no Pacífico

 

Um incêndio na sala de máquinas deixou um navio com 4.500 pessoas à deriva no Oceano Pacífico em frente à costa do México, informou nesta terça-feira a companhia Carnival Cruise Lines.

Rebocadores dirigiam-se na manhã desta terça-feira em direção ao "Carnaval Splendor", a cerca de 320 km ao sul de San Diego (Califórnia, oeste dos Estados Unidos), após um incêndio na madrugada de segunda-feira, informou a Carnival Cruise Lines em um comunicando, acrescentando que os passageiros não tinham ar-condicionado ou comida quente.

"A embarcação esteve operando com geradores auxiliares e os engenheiros não puderam restaurar mais energia para o navio", acrescentou a empresa.

"As condições a bordo são bastante desafiadoras e nos desculpamos sinceramente pelos incômodos e inconvenientes de nossos passageiros", afirmou o presidente da companhia, Gerry Cahill.

O incêndio começou em uma sala de máquinas por volta das 06H00 local de segunda-feira (12H00 de Brasília), e fui extinto sem deixar feridos, o que não impediu que o cruzeiro com 3.299 passageiros e 1.167 tripulantes tenha sofrido problemas sérios em importantes serviços.

"Atualmente, vários sistemas hoteleiros essenciais, que vão de ar-condicionado, serviço de comida quente e telefones, não estão disponíveis".

Os rebocadores esperam chegar ao navio ainda na tarde desta terça-feira (18H00 de Brasília) para levá-lo à baía de Enseada, no estado mexicano da Baixa Califórnia.

A embarcação de 113 mil toneladas, que começou suas operações em julho de 2008, partiu no domingo de Long Beach (sudoeste de Los Angeles, Califórnia) para realizar um cruzeiro de sete dias pela Riviera mexicana.