Avião americano não-tripulado mata cinco militantes do Paquistão

    ISDLAMABAD - Cinco militantes morreram nesta quinta-feira em um ataque de avião sem piloto americano (drone) contra uma zona tribal no noroeste do Paquistão, bastião dos talibãs e da rede terrorista Al-Qaeda, informaram fontes da segurança paquistanesa.

Dois mísseis foram disparados contra um campo de militantes na localidade de Ismail Kehl, 40 km a oeste de Miranshah, principal cidade do Waziristão do Norte, na fronteira com o Afeganistão. "O objetivo era um campo de militantes. Três árabes, um afegão e uma pessoa da região morreram", declarou um dos responsáveis paquistaneses.