Esposa de Berlusconi pede € 3,5 milhões por mês pelo divórcio

 

Veronica Lario, 53 anos, esposa do primeiro-ministro da Itália, Silvio Berlusconi, pediu um cheque de 3,5 milhões de euros mensais para o marido durante a negociação de divórcio, informou nesta quarta-feira a imprensa local.

A esposa de Berlusconi "reitera suas exigências neste processo de separação (...) incluindo um cheque de 3,5 milhões de euros por mês", segundo a imprensa, que citou um documento entregue recentemente pelos advogados da esposa de Silvio Berlusconi ao tribunal de Milão (norte), encarregado do caso.

O acordo entre as duas partes parecia concretizado após, no mês de maio, Lario ter aceitado uma proposta de pensão alimentícia de 300 mil euros mensais, o uso da casa de campo de Macherio, perto de Milão, e o pagamento dos custos relacionados à propriedade por Silvio Berlusconi, segundo a imprensa italiana.

Ainda de acordo com a mesma fonte, o acordo falhou neste ponto, porque a soma de 1,8 milhão de euros por mês para cobrir todos estes gastos, proposta por Silvio Berlusconi, foi considerada "inadequada" por Veronica Lario, 53 anos, que viveu durante 30 anos com o primeiro-ministro.