Milhares de manifestantes protestam contra parada gay em Belgrado

      BELGRADO - Pelo menos 5.000 pessoas se manifestaram neste sábado em Belgrado contra a organização de uma parada do orgulho gay na capital sérvia, programada para o domingo. Entre os manifestantes, cujo slogan - "em defesa da família" - era cantado em uníssono, havia famílias inteiras, com crianças e jovens. A polícia vigiava de perto o protesto, que atravessou as principais avenidas de Belgrado antes de chegar ao Parlamento.

"O Estado não faz nada para ajudar as famílias, enquanto autoriza esta marcha contra a natureza. Queremos que ela seja proibida", declarou Miroslav Parovic, um dos porta-vozes da organização ultranacionalista Dveri, que convocou a manifestação. A parada do orgulho gay de Belgrado, autorizada pelo governo, está marcada para domingo.

No ano passado, a parada gay da capital sérvia precisou ser cancelada devido ao risco de reações violentas por parte de grupos ultranacionalistas.