Equador: Correa desiste de dissolver Congresso e convocar eleições

O governo do Equador desistiu da possibilidade de dissolver o Congresso e convocar eleições antecipadas devido à rebelião policial de quinta-feira apontada como uma tentativa de golpe de Estado, disse neste domingo a ministra para a Política, Doris Solís.