Polícia espanhola prende 41 por suposta lavagem de dinheiro para Farc

As autoridades espanholas detiveram nesta sexta-feira em todo o país 41 pessoas suspeitas de lavagem de dinheiro para financiar as Forças Armadas Revolucionárias da Colômbia (Farc), informou a Polícia Nacional em um comunicado.

A polícia deteve "41 pessoas relacionadas à lavagem de mais de 200 milhões de euros (mais de 275 milhões de dólares) procedentes do narcotráfico", informou o comunicado.

"As Farc ou alguns de seus membros podem ter sido destinatários de parte destes fundos enviados por meio de transferências para Colômbia e Equador", acrescentou