Comandante militar das Farc teria sido morto na Colômbia

BOGOTÁ - Jorge Briceño, conhecido como "Mono Jojoy", o comandante militar das Forças Armadas Revolucionárias da Colômbia (Farc), teria sido morto em um combate na Sierra de La Macarena, na Colômbia, segundo informações divulgadas nesta quinta-feira pela Rádio Caracol. Ainda de acordo com a rádio, o Ministério da Fazenda emitirá um comunicado em breve detalhando a operação, na qual teria morrido o chefe militar das Farc. As primeiras informações dão conta de que "Mono Jojoy" teria morrido em um bombardeio da Força Aérea.