Venezuela nomeia novo embaixador na Colômbia após restituir relações

Agência AFP

CARACAS - O governo da Venezuela nomeou Iván Rincón embaixador na Colômbia, um mês depois do restabelecimento dos vínculos diplomáticos entre os dois países, informou esta terça-feira o ministro de Relações Exteriores venezuelano, Nicolás Maduro.

"A chancelaria venezuelana emitiu o beneplácito ao governo da Colômbia e está à espera da resposta" do governo colombiano, anunciou Maduro em nota de imprensa divulgada por seu gabinete.

Iván Rincón, ex-presidente do Supremo Tribunal de Justiça e atual embaixador da Venezuela no Vaticano, substitui Gustavo Márquez, que esteve à frente da sede diplomática em Bogotá até 22 de julho, quando o presidente Hugo Chávez rompeu relações com a Colômbia.

"Márquez fez um grande trabalho e se empenhou muito em momentos difíceis para as relações entre Colômbia e Venezuela", acrescentou a nota da chancelaria.

José Fernando Bautista, ex-ministro de Comunicações, foi nomeado embaixador da Colômbia em Caracas.

Colômbia e Venezuela retomaram suas relações diplomáticas em uma cúpula presidencial em 10 de agosto, três dias depois da posse do presidente colombiano, Juan Manuel Santos.

A Venezuela havia rompido relações depois que o governo do então presidente Álvaro Uribe denunciou perante a OEA que 1.500 guerrilheiros colombianos se escondiam em território venezuelano.