Novos incêndios florestais são detectados na Rússia

Agência AFP

MOSCOU - Os incêndios florestais se intensificaram novamente na Rússia nesta quarta-feira. As autoridades tentam retirar os moradores de uma localidade na região siberiana de Altai, anunciou a representação do ministério das Situações de Emergência.

Cinquenta casas de Nikolaievka foram atingidas pelas chamas, mas não há registro de feridos, segundo Olesia Kukuieva, porta-voz da repesentação. Os incêndios têm origem no vizinho Cazaquistão, disse Kukuieva.

Os novos focos de incêndio afetam a Rússia no momento em que o país ainda enfrenta as consequências de uma seca recorde e dos incêndios florestais que destruíram mais de 25% das plantações no país durante o verão.

Os incêndios florestais devastaram mais de um milhão de hectares de floresta e deixaram 50 mortos na Rússia. O fogo chegou a ameaçar várias centrais nucleares, incluindo a de Sarov, 500 km ao leste de Moscou.