Italiano é encontrado morto dentro de barco na Venezuela

Agência ANSA

CARACAS - O turista italiano Emiliano Astore, de 36 anos, foi encontrado morto a bordo de seu barco na Ilha de Margarita, na Venezuela, informaram em Caracas as autoridades responsáveis pelo caso.

O homem foi encontrado no último domingo na embarcação 'Yuncano Miami' no porto Punta de Piedras, estado de Porlamar, mas segundo os investigadores teria sido assassinado com dois tiros no rosto na sexta-feira passada.

A face estava irreconhecível e o corpo em avançado estado de decomposição por ter ficado dois dias no sol. A identificação foi possível graças aos documentos encontrados junto aos restos mortais.

O cônsul geral da Itália em Caracas, Giovanni Davoli, confirmou a notícia, sem divulgar nomes, revelando que o barco, de bandeira norte-americana, pertence a Astore.

Os familiares da vítima, que foram contatados pela representação diplomática na capital venezuelana, devem chegar ao país sul-americano ainda hoje.