Filho de herói da revolução cubana chega aos EUA

Agência ANSA

WASHINGTON - Juan Juan Almeida, filho de um dos comandantes mais importantes da revolução cubana, Juan Almeida Bosque, chegou hoje a Miami, nos Estados Unidos, após abandonar Cuba depois de sete anos de tentativas e protestos.

"Agradeço à imprensa, à intervenção da Igreja, a todos os que influenciaram nesta liberação e também aos que me criticaram", afirmou ele ao chegar ao aeroporto da cidade norte-americana. "Meu objetivo era estar com minha família", completou.

Almeida, de 44 anos, tinha pedido ao arcebispo de Havana, cardeal Jaime Ortega, para que mediasse junto ao governo de Raúl Castro uma autorização a fim de que pudesse deixar a ilha para se tratar de uma doença degenerativa nos ossos. Desde 2003, a permissão havia sido suspensa.

Na segunda-feira, o cubano foi informado pelo arcebispado de que sua solicitação fora aceita e colocou fim à greve de alimentos sólidos que mantinha desde o dia 15 de junho.

Ele chegou a Miami às 2h35 locais em um voo da American Airlines procedente de Cancún. Está previsto que ele permaneça ao menos uma semana com sua esposa, Consuelo Quesada, e sua filha Indira, que moram na cidade norte-americana.

Posteriormente, ele deve viajar a Los Angeles para ser atendido no Centro Médico Cedars Sinai.