Larry Palmer ainda é o embaixador designado para a Venezuela

Agência AFP

WASHINGTON - Larry Palmer ainda é o embaixador designado para a Venezuela, disse nesta terça-feira um porta-voz do Departamento de Estado, Mark Toner, em resposta a uma afirmação do presidente Hugo Chávez de que seu governo não aceitará o diplomata americano.

"Ele é o nosso candidato", informou Toner em entrevista à imprensa.

Chávez considerou na segunda-feira "impossível que o sr. Palmer seja aceito por um governo digno".

O nome de Palmer, que ainda deve ser confirmado pelo Senado americano, atualmente em recesso até meados de setembro, fez muitas críticas à Venezuela, denunciando a presença, no país, das guerrilhas colombianas e a influência cubana em suas Forças Armadas.