Índia tenta evitar desastre ambiental após colisão de navios

Portal Terra

MUMBAI - Autoridades indianas buscam soluções para evitar um desastre ambiental três dias após uma colisão entre dois navios próximo à costa de Mumbai. No último sábado, a embarcação panamenha MSC Chitra bateu no navio Khalijia, de São Cristóvão e Névis. O MSC Chitra derramou óleo no mar e ainda há o risco de recipientes de agrotóxicos caírem na água. As informações são da versão online da NDTV.

No momento da colisão, o navio tinha uma carga de 1.219 recipientes de 2.662 toneladas de combustível, 283 toneladas de diesel e 88,040 litros de óleo lubrificante. Havia trinta e um contentores com pesticidas. O MSC Chitra está à deriva na costa, inclinado devido ao acidente, o que causou o derramamento de cerca de 400 toneladas de óleo e, agora, aumenta o risco de queda dos recipientes de agrotóxicos.

O ministro do Estado de Maharashtra, Ashok Chavan, disse que "a mancha de petróleo ao largo da costa de Mumbai é uma preocupação séria e que o governo está se esforçando para conter os danos". O governo já emitiu um alerta para que pescadores e moradores da costa não naveguem e pediu que as pessoas evitem comer peixe.