Fidel Castro recebe missão médica cubana que atuou na Bolívia

Agência AFP

HAVANA - O líder comunista Fidel Castro presidiu uma cerimônia, no aeroporto de Havana, para receber uma brigada médica cubana que esteve em missão na Bolívia, informou a imprensa oficial nesta quarta-feira.

Usando seu tradicional uniforme militar, o ex-presidente falou da importância do trabalho dos médicos cubanos nos países irmãos e ofereceu a cada um dos cooperantes uma cópia de seu novo livro, "A vitória estratégica", onde relata sua vitoriosa revolução contra as forças do regime de Fulgencio Batista em Sierra Maestra (sudeste), em 1958.

Cerca de 40.000 cubanos estão atualmente mobilizados em missões de saúde em 77 países, principalmente na América Latina e África, de acordo com cifras oficiais.