Atentado contra instalações da Televisa é criticado por AIR

Agência AFP

MONTEVIDÉU - A Associação Internacional de Radiodifusão (AIR) condenou nesta terça-feira o atentado contra as instalações da Televisa, na cidade mexicana de Monterrey.

A AIR, cuja sede fica em Montevidéu e representa mais de 17.000 emissoras de rádio e televisão de todo o mundo, condenou "energicamente" em um comunicado o atentado ocorrido na madrugada de domingo, quando homens não identificados arremessaram uma granada, que explodiu diante do prédio da emissora. Os criminosos fugiram em uma caminhonete.

"Este ataque se soma à grave onda de violência, assassinatos e sequestros que assola jornalistas e meios de comunicação no México", indicou.

A sede da Televisa, localizada no centro de Monterrey, já tinha sido atacada com uma granada e com tiros em janeiro de 2009.

A AIR reiterou sua "solidariedade aos colegas e comunicadores desse país".

O México, que sofre com uma guerra entre cartéis de narcotraficantes, também atravessa uma onda de ataques à imprensa que deixou pelo menos nove jornalistas mortos este ano.

aic/dm