Tempestade suspende operações para conter maré negra

Agência AFP

WASHINGTON - A BP anunciou nesta sexta-feira a suspensão de suas operações de combate ao vazamento de óleo no Golfo do México, devido à chegada de uma tempestade tropical. "A duração da suspensão das atividades no poço dependerá do tempo", afirmou o gigante petroleira em um comunicado, indicando que o poço, perfurado há sete dias, permanecerá fechado.

A BP assegurou que continuará a monitorar o local "enquanto o tempo permitir".

Às 06h00 GMT (03h00 de Brasília), a tempestade Bonnie se dirigia para o noroeste a uma velocidade de 25 quilômetros por hora na direção do estreito da Flórida e do Golfo do México, segundo o Serviço Nacional de Meteorologia. Alertas foram emitidos para a costa da Flórida no momento em que a trajetória da tempestade parecia apontar para a Louisiana e para a zona afetada pela maré negra.

"Em razão do risco que a tempestade tropical Bonnie apresenta para a segurança das cerca de 2.000 pessoas que trabalham na luta contra a maré negra na área do poço, alguns barcos e plataformas serão preparadas para a retirada", indicou na quinta-feira Thad Allen, diretor de operações de combate à maré negra do governo americano.

"Isso inclui a plataforma de perfuração dos poços de derivação que permitirão tapar definitivamente o poço", indicou.

Thad Allen reconheceu que esta retirada pode "retardar os esforços visando a tapar definitivamente o poço realizados há vários dias", mas, ressaltou, "a segurança das pessoas na área é nossa maior prioridade".