Mais dois soldados da Otan mortos no Afeganistão

Agência AFP

CABUL - A Otan anunciou que mais dois de seus soldados morreram na quinta e sexta-feira no Afeganistão, o que eleva para 82 o número de militares estrangeiros mortos em junho, que já é o mês mais violento para as forças internacionais em oito anos e meio de guerra.

Os meses mais sangrentos para a Otan haviam sido até então, depois de 30 dias fechados, julho (76 mortos), agosto (77), setembro (70) e outubro (74) de 2009, segundo as cifras do site independente icasualties.org.