Premier australiana anuncia eleições nos próximos meses

Agência AFP

CANBERRA - A trabalhista Julia Gillard, que nesta quinta-feira tornou-se a primeira mulher a ocupar o cargo de premier da Austrália, anunciou a realização de eleições nos "próximos meses"

Gillard assumiu o governo depois que seu antecessor, Kevin Rudd, abdicou do posto de líder dos trabalhistas, evitando uma votação em que a derrota era certa.

A nova premier, uma advogada de 48 anos, é empossada após Rudd abandonar o cargo admitindo ter perdido o apoio de líderes importantes do país e sofrido queda nas pesquisas de opinião.

"Eu me sinto muito honrada", disse Gillard aos jornalistas após deixar a votação do partido, no Parlamento, em Canberra.

O tesoureiro Wayne Swan, considerado um timoneiro que conduziu o país com habilidade durante a crise financeira internacional, é o novo vice-premier.

Rudd tinha bom desempenho nas pesquisas de opinião até recentemente, mas sua taxa de aprovação despencou desde que adotou uma série de decisões polêmicas, como o recuo no mercado de emissões de carbono para combater as mudanças climáticas.