Pelo menos 42 mortos em inundações na China

Agência AFP

PEQUIM - Pelo menos 42 pessoas morreram e 36 permanecem desaparecidas após as chuvas torrenciais que assolaram o sul da China. As autoridades advertem que são esperadas mais precipitações, informou a agência oficial Xinhua.

Mais de 100 mil pessoas saíram de seus lares devido às inundações, que atingiram cerca de 7 mil casas e provocaram prejuízos econômicos que chegam aos 830 milhões de iuanes (120 milhões de dólares), indicou a agência.

As províncias de Fujian e Sichuan, no sudeste e sudoeste, respectivamente, assim como a região de Guangxi foram as mais afetadas, acrescentou.

O centro de meteorologia nacional advertiu que as tempestades, que começaram no domingo em várias localidades do sul, seguirão até quinta-feira.

Na terça-feira, 23 pessoas morreram após o deslizamento de uma montanha, provocado pelas fortes chuvas.

Não ficou claro se estas vítimas estão incluídas no número total de mortos pelas anunciado nesta quarta-feira.