Inglês é condenado por ameaçar no Twitter explodir aeroporto

Portal Terra

DA REDAÇÃO - Um britânico foi condenado nesta segunda-feira por ter ameaçado no Twitter explodir um aeroporto caso seu vôo fosse adiado por causa de uma nevasca.

Paul Chambers, 26 anos, insistiu que o post era uma brincadeira, mas um juiz da Corte de Doncaster, no norte da Inglaterra, multou-o assim mesmo no equivalente a cerca de R$ 3 mil. Chambers foi considerado culpado por enviar uma mensagem ofensiva numa rede pública de comunicação.

O juiz Jonathan Bennett afirmou que a mensagem tinha uma "natureza ameaçadora no contexto do tempo em que vivemos", informa o site The Huffingon Post. Ele também condenou Chambers a arcar com os custos judiciais do processo.

Chambers foi preso em janeiro depois de postar a mensagem afirmando que iria explodir o aeroporto Robin Hood, próximo a Doncaster, se o seu vôo, marcado para uma semana depois do post ser publicado, fosse adiado devido à forte nevasca que caía em toda a Europa. "Não passou pela minha cabeça que o Robin Hood alguma vez olhasse o Twitter ou o levasse seriamente", ele argumentou.

Um empregado do aeroporto, no entanto, leu a mensagem alguns dias depois e avisou a segurança que, mesmo não considerando-a uma ameaça de bomba, repassou-a à polícia. Chambers foi preso dois dias antes do vôo. Depois da prisão, perdeu o emprego numa locadora de automóveis. Agora, disse à imprensa inglesa que poderá apelar da sentença.

O julgamento provocou indignação entre alguns usuários do Twitter, que postaram mensagens de apoio a Chambers, mas cuja opinião não foi considerada pela Justiça.