Reféns alemães são libertados na Nigéria

Agência AFP

BERLIM - Dois alemães sequestrados no último domingo na Nigéria foram libertados, anunciou neste sábado o ministro de Relações Exteriores alemão, Guido Westerwelle, em comunicado.

Os dois alemães, de 45 e 55 anos, que tinham sido sequestrados no domingo perto de Port Harcourt (Nigéria) depois de terem tomado banho no rio Imo, "recuperaram a liberdade" e estão "sãos e salvos", disse. Nenhum grupo reivindicou o sequestro.

Centenas de estrangeiros e nigerianos, sobretudo funcionários que atuam no setor dos hidrocarbonetos, foram vítimas de sequestros no sul da Nigéria, rico em petróleo, desde 2006. Muitos deles recuperaram a liberdade após o pagamento de resgate.