Seis potências negociam na ONU política nuclear iraniana

Agência AFP

NOVA YORK - Seis potências mundiais reúnem-se nesta quinta-feira para discutir a imposição de sanções ao Irã por seu programa nuclear, uma negociação que o representante chinês na ONU qualificou de "muito importante".

"É uma negociação muito importante", disse o embaixador chinês Li Baodong a jornalistas quando se dirigia à reunião.

Os embaixadores de Grã Bretanha, China, França, Rússia, Estados Unidos e Alemanha reunem-se a portas fechadas para discutir um texto americano que deve impor sanções aos poderosos Guardiões da Revolução do Irã, acusados de estarem envolvidos em atividades de proliferação nuclear.

Os Guardiões da Revolução, corpo criado durante a Revolução Islâmica iraniana de 1979, desempenharam um papel de primeiro plano na guerra do Irã contra o Iraque nos anos 1980.