Partido de Evo Morales vence eleições em Pando

Jornal do Brasil

LA PAZ - O partido do presidente boliviano, Evo Morales, conseguiu uma apertada vitória eleitoral no departamento de Pando, ex-bastião da direita, onde, em 2008, foi engendrada uma rebelião contra seu governo.

Segundo resultados oficiais do pleito regional de domingo, divulgados quinta-feira, depois de apurados 95% dos votos, o partido de Morales saiu vitorioso em seis dos nove governos autônomos da Bolívia.

O candidato governista Adolfo Flores obteve 49,7% dos votos contra 48,4% dados ao adversário Paulo Bravo. No entanto, devido a denúncias de irregularidades, a Corte Nacional Eleitoral (CNE) decidiu repetir a votação em cinco sessões inicialmente havia dito que seriam oito. Bravo pediu a anulação das eleições.

Morales envolveu-se pessoalmente na conquista do governo autônomo de Pando, um antigo feudo da direita onde, em 2008, foram registradas as mortes de 12 camponeses aliados do governo uma primeira escalada da violência que se estendeu a cinco regiões opositoras.

Em consequência da matança, o ex-prefeito (governador) de Pando, Leopoldo Fernández, está cumprindo prisão preventiva em La Paz.