Correa vai aos EUA para receber prêmio na Universidade de Illinois

Agência AFP

QUITO - O presidente do Equador, Rafael Correa, viajou esta quarta-feira aos Estados Unidos para receber um prêmio da Universidade de Illinois (norte), onde estudou, informou a secretaria de comunicação da instituição.

Correa, que partiu antes do meio-dia para a cidade de Champaign, receberá na quinta-feira um reconhecimento pelo Feito Excepcional Acadêmico 2009, concedido pela universidade, na qual o presidente obteve seu Ph.D em Economia, em 2001, acrescentou a fonte.

O título é entregue anualmente "a um ex-aluno internacional amplamente reconhecido em sua carreira profissional ou vida de trabalho" e que tenha "contribuído de forma significativa para a humanidade, a ciência, a arte ou o bem-estar humano", informou a Presidência.

O chefe de Estado, um economista de esquerda de 47 anos, assumiu o poder em janeiro de 2007 e foi reeleito em eleições antecipadas de abril de 2009 para um mandato que se estenderá até 2013.