Calderón recebe Clinton para discutir segurança na fronteira

Agência AFP

CIDADE DO MÉXICO - O presidente mexicano, Felipe Calderón, recebeu nesta terça-feira a secretária de Estado americana, Hillary Clinton, para analisar a onda de violência que atinge o norte do México, com reflexos no lado americano da fronteira comum, informou uma fonte oficial.

O encontro ocorreu após uma reunião de Clinton e de outros membros do gabinete do presidente Barack Obama com seus homólogos mexicanos, no qual decidiram ampliar a Iniciativa Mérida, o plano de cooperação conjunta de combate às drogas.

Os cerca de 15 mil homicídios ocorridos no México desde 2006 são atribuídos aos cartéis da droga que operam no país, que reforçam sua presença na zona de fronteira com os Estados Unidos, onde Calderón mantém boa parte dos 50 mil militares destacados para combater o narcotráfico.