Netanyahu: Israel conta com a velha amizade dos EUA

Agência AFP

WASHINGTON - O primeiro-ministro israelense, Benjamin Netanyahu, disse nesta segunda-feira, em Washington, que Israel conta com a "velha amizade" dos Estados Unidos.

- Estou certo de que contamos com a velha amizade dos Estados Unidos, o país mais maravilhoso da Terra - afirmou Netanyahu a um grupo de pressão pró-israelense.

Pouco antes, a secretária de Estado americana, Hillary Clinton, pediu a Israel que adote "decisões difíceis mas necessárias" para a paz com os árabes, antes de prometer um compromisso "sólido" com a segurança do Estado hebreu.

Em discurso dirigido ao mesmo lobby judeu americano (AIPAC), Clinton disse que os Estados Unidos não cederão em seu "compromisso" de impedir que um dos maiores inimigos de Israel, o Irã, obtenha a bomba atômica.

As declarações de Hillary Clinton eram aguardadas com expectativa, já que ocorrem em meio a um dos períodos mais difíceis nas relações entre Estados Unidos e Israel, após a decisão do Estado hebreu de construir 1.600 casas em Jerusalém Oriental.

A decisão israelense veio no momento em que a administração do presidente Barack Obama tenta relançar as conversações de paz no Oriente Médio, e irritou particularmente os americanos porque foi anunciada em meio à visita do vice-presidente Joe Biden à região.

Netanyahu não cede no plano do seu governo de expandir a colonização em Jerusalém Oriental, anexada em 1967 e não reconhecida pela comunidade internacional.