Tribunal italiano confirma suspensões de Mourinho e Cambiasso

Agência AFP

ROMA - O Tribunal Federal de Justiça da Itália confirmou nesta sexta-feira a suspensão do técnico da Inter de Milão, José Mourinho, por ter sido grosseiro com o árbitro, e do jogador argentino do time, Esteban Cambiasso, por uma agressão em uma partida da Série A contra a Sampdoria.

O clube havia apelado ao tribunal, que confirmou a suspensão do técnico (três partidas) e do zagueiro argentino (duas). Entretanto, a instância judicial reduziu de duas a uma partida a sanção contra o ganês Sulley Muntari, também por insultos.

Na segunda-feira, Mourinho foi suspenso por insultar o árbitro na partida do último sábado contra a Sampdoria e também por ter feito um gesto como se tivesse as mãos atadas, interpretado como uma ofensa.