Primeiro-ministro palestino protesta contra Israel em Hebron

Agência AFP

HEBRON - O primeiro-ministro palestino, Salam Fayyad, participou nesta sexta-feira das orações na mesquita de Ibrahim (Gruta dos Patriarcas), em Hebron (Cisjordânia), para protestar contra a decisão de Israel de incluir em seu patrimônio esse local sagrado judeu e muçulmano.

Nesta cidade, foram registrados pela manhã confrontos entre jovens palestinos e soldados israelenses, pelo quinto dia consecutivo.

Hebron tem sido palco de enfrentamentos esporádicos desde que o primeiro-ministro israelense, Benjamin Netanyahu, revelou no domingo passado a sua intenção de incluir a Gruta dos Patriarcas e o Túmulo de Raquel, em Belém, na lista de patrimônios históricos de Israel como parte de um programa de restauração.