Colômbia diz que discussão entre Uribe e Chávez foi útil

Agência AFP

BOGOTÁ - O chanceler colombiano, Jaime Bermúdez, considerou "útil, necessária e importante" a crição de um mecanismo de discussão direto entre seu país e a Venezuela, depois do bate-boca entre os presidentes Alvaro Uribe e Hugo Chávez na cúpula do Grupo do Rio em Cancún.

- Houve aqui um debate profundo, uma discussão forte - disse nesta terça-feira o chanceler, ao comentar a repercussão da troca de farpas entre Uribe e Chávez.

- A Colômbia abordou os temas em um cenário no qual acreditamos que devam ser abordados, e a consequência é que consideramos útil, necessário e importante para o país - disse Bermúdez, em entrevista a uma rádio de Bogotá.

Para o chanceler, a discussão entre Uribe e Chávez teve como resultado "a criação de um mecanismo de diálogo direto, com a ajuda de diferentes países, no qual será discutido o importante: os temas de fundo".

- Aqui o que conta é a decisão de fundo. Há um mecanismo para trabalhar os temas entre Colômbia e Venezuela, e à Colômbia isto interessa porque queremos falar de verdade sobre os temas graves que estão ocorrendo e poder lidar com eles diretamente - acrescentou.