Unicef denuncia rapto de crianças em hospitais do Haiti

JB Online

PORTO PRÍNCIPE - Pelo menos 15 crianças foram raptadas em vários hospitais do Haiti, após o terremoto que devastou o país no último dia 12. A denúncia é do porta-voz do Fundo das Nações Unidas para a Infância (Unicef), Jean-Claude Legrand.

Segundo ele, os menores teriam sido levados por traficantes para Santo Domingo, capital da República Dominicana.

Legrand disse que esse mesmo problema ocorreu depois do tsunami na Ásia, em 2004. - Essas redes de traficantes de pessoas entram em ação assim que ocorre uma catástrofe e aproveitam a debilidade da coordenação das autoridades para sequestrar crianças e tirá-las do país - explicou.